NOTICIAS

Prefeitura de João Pessoa entregou mais de dois mil cartões em mais uma fase do programa Pão e Leite

Segurança alimentar

Prefeitura de João Pessoa entregou mais de dois mil cartões em mais uma fase do programa Pão e Leite


21/12/2023 |
20:00 |
83

A entrega dos cartões aos beneficiados na terceira fase do programa Pão e Leite da Prefeitura de João Pessoa aconteceu nesta quinta-feira (21), das 8h às 16h, no Espaço Cultural. No total, foram liberados os cartões de 2.214 beneficiados, dos 3.000 contemplados que já podem fazer uso do valor de R$70 nos estabelecimentos comerciais cadastrados no programa.  

A Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes), executora do programa, dividiu a entrega dos cartões por ordem alfabética e em turnos específicos para que todos pudessem buscar seu benefício com conforto e rapidez. A eficiência da estratégia adotada foi comprovada com o início dos atendimentos do turno da tarde ainda pela manhã e seguindo até as 16h, horário programado para o final da ação.  

“Tivemos uma grande mobilização da Secretaria de Desenvolvimento Social, que contou com o apoio dos seus servidores e também com a ajuda de outras secretarias que compõem a gestão, que foram muito parceiras em nos ceder todo seu conhecimento e trabalho para que conseguíssemos realizar essa operação tão importante”, afirmou Norma Gouveia, secretária de Desenvolvimento Social da Capital.  

A secretária lembrou que quem não pôde buscar o cartão não será prejudicado. “A partir da segunda semana de janeiro estaremos realizando as entregas nas unidades dos Centros de Referência da Cidadania. Queremos garantir que as famílias contempladas com o programa Pão e Leite tenham seu cartão em mãos”, reforçou.

Benefício – Cada família recebeu um cartão magnético onde serão depositados R$ 70 mensalmente. Com este cartão, elas irão adquirir gêneros alimentícios nos estabelecimentos comerciais cadastrados junto ao programa. Cada unidade familiar poderá receber o benefício por um ano, prorrogável por mais cinco anos, caso seja comprovada a necessidade. Caso a família não use o cartão por dois meses consecutivos, o mesmo será suspenso e reativado a partir de uma nova visita psicossocial de assistentes sociais da administração municipal.  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *